quinta-feira, 24 de fevereiro de 2011

FORA-DE-SÉRIE LAFER LL

Com a proibição da importação de veículos na segunda metade da década de 70 surgiram vários Fora-de-Série esportivos. O que deixou um espaço para carros mais luxuosos.
Foi onde a Lafer, que até então produzia apenas o conversível MP Lafer, tentou introduzir o seu modelo de luxo.
                                                           Lançou em 1976 então o Lafer LL.
Projetado por Rigoberto Soler, com linhas parecidas com as da Mercedes, feito em fibra de vidro, usava mecânica do Opala 250-s que lhe rendia 171hp.
 Interior luxuoso em couro, detalhes em madeira e painel digital era realmente um carro inovador e caro, custava Cr$363.420,00, sendo que o Opala mais caro custava Cr$98.840,00.
Foram produzidas 8 carrocerias, sendo que apenas 5 carros foram finalizados. 

7 comentários:

  1. Recapitulando Lafer LL, fiaca assim, ja temos cinco LL identicados: 0001 – Alcido E. Reuter – Curitiba
    0002- Rogerio Azambuja- Passo Fundo
    0003- Rogério Azambuja- Passo Fundo
    0004- Carlos Rbeiro – São Paulo
    0005- ?
    0006- ?
    0007- Alcido E. Reuter – Curitiba

    ResponderExcluir
  2. Bom saber que a maioria dos LL estão preservados. Se tiver mais fotos mande que publico no blog. Graaande abraço!

    ResponderExcluir
  3. O carro 0005 foi feito para o senho Arthur Miranda de Carvalho de Mirangaba Bahia. Infelizmente o carro foi vendido por mizeros R$: 10.000,00.

    ResponderExcluir
  4. Alison, sabe onde o carro está hoje?
    Graaande abraço!

    ResponderExcluir
  5. Pessoal, dando uma pesquisada no Google a respeito desse maravilhoso carro, que fiquei sabendo que exisitia apenas no dia de hoje, via um amigo que é fã do Brasinca Uirapuru, também projetado pelo Rigoberto Soler, encontrei um pequeno texto e fotos do que pode realmente ser o chassis 006. Enconta-se no estado do Amazonas. Segue o site para checagem: http://www.mplafer.net/2011/06/ll.html.
    Abraço a todos!

    ResponderExcluir
  6. Ailson,tava lembrando desse lindo carro hoje,pena ter sido vendido!O carro era lindo,tinha até uma plaquinha banhada em ouro com o nome de Arthur M.De Carvalho.Era carro pra ter fixado na família.

    ResponderExcluir