domingo, 10 de abril de 2011

HONDA XL 250 MOTOSPORT 1976

Já falei aqui que uma das minhas paixões são as motocicletas. Em 1977 tive minha primeira moto, uma Honda CG 125 "bolinha". Desde então sempre que possível tive uma moto na garagem.
Mas uma em especial sempre me chamou a atenção.
A Honda XL 250 Motosport.
Lançada no Japão em 1972.





Em 1974 a Honda começa a ser vendida no Brasil.
                                                    
                                                             Publicidade da época.


Com um motor monocilíndrico de 4 tempos SOHC 4 válvulas de 248 cm³, com acionamento à pedal, câmbio de 5 marchas curtas para o uso off road, porém com boa velocidade máxima.

Suspensão dianteira hidráulica tipo Cerianni

E a traseira composta por um braço oscilante e dois amortecedores hidráulicos com molas reguláveis.

Rodas raiadas com aros em alumínio, quadro em berço simples e freios a tambor.

Em 2009 comecei a procurar uma XL pra comprar.
Perguntei ao meu primo Aloísio se ele ainda tinha a dele, no que me respondeu que havia vendido para uma pessoa aqui mesmo de Criciúma-SC, o "Maro Soratto".
Por intermédio do meu amigo Renato Magrin fui até a casa do Maro pra ver a tal moto. E lá estava ela debaixo de uma capa, a pelo menos um ano sem ser ligada.

Mas foi só dar algumas aceleradas e meia dúzia de pedaladas e o ronco forte do motor se fez ouvir.
Só tinha um problema, o Maro não queria vender a moto.
Não "queria" porque depois de mais duas visitas eu o convenci a me vender a moto, porém com uma condição. Como a moto estava parada a muito tempo tinha algumas coisinhas pra fazer, e o Maro apesar de não ser mecânico profissional é um restaurador de primeira.
Depois de umas 4 semanas comigo para matar a vontade de andar a moto voltou pro Maro para ser restaurada.
A pintura do tanque e faixa dos pára-lamas estava errada, capa do banco também, painel levemente danificado por algum tombo que levou, cromados desgastados pelo tempo, bateria 6 v "arreada" e pneus de trail.
A embreagem estava ruim e descobri que a da Honda 600cc cabe certinho.
Nada que não pudesse ser feito para que a moto voltasse à sua originalidade.
O pneu traseiro o Maro tinha um original "zero kilometro" guardado, o problema era o dianteiro. Não fabricam mais o pneu "biscoito" 2,75" X 21", o mesmo usado na Yamaha DT 180.
Começou a desmontagem, zincagem de pára-fusos, cromagem, o banco o Magal refez a capa, etc etc.
Restava descobrir o tamanho das letras Honda no tanque e as faixas. Foi quando o Maro descobriu, em Tubarão-SC, próximo 60km de Criciúma-SC uma XL que nunca havia sido pintada e apesar de desgastada pelo tempo ainda tinha a pintura de tanque, pára-lamas e faixa original.
Feitas as medidas necessárias agora era só preparar para pintar.
Um dia o Maro me ligou dizendo que havia encontrado em uma borracharia um pneu, usado mas em bom estado. Pronto, era o que faltava.
Agora ela estava completa.


                                     


A XL era cara na época de seu lançamento, e por isso não vendeu tanto quanto as Yamaha. Isso a tornou ainda mais rara nos dias de hoje.
Mas aos 35 anos ela é puro prazer de pilotar.

25 comentários:

  1. José Carlos E. Ferreiradomingo, 10 abril, 2011

    Parabéns Mazinho!

    Essa era uma moto que eu admirava quando mais novo!
    Quando XL 250 R chegou para substituí-la, por ser muito mais encorpada e vistosa e por trazer o conceito Pró-link (versão Honda do original Monoshock da Yamaha), as já poucas XL 250 Motosport que existiam no Brasil, foram esquecidas e mal conservadas.
    Com certeza devem ser pouquíssimas as íntegras ou mesmo restauráveis.

    ResponderExcluir
  2. Lembro-me quando era criança (hoje tenho 47), um amigo de meus pais tinha uma. Naquela época eu já ficava louco. Não acreditava no que via nem no que o dono dela fazia e aonde ia. Sempre fico na espreita pra ver se rola uma não muito detonada, mas num preço razoável. A moto está muito bacana. Parabéns.

    ResponderExcluir
  3. A XL marcou época. Elas estão cada vez mais raras e por isso mesmo devemos preservá-las. Obrigado pela visita. Graaande abraço!

    ResponderExcluir
  4. Gostei dos elogios para o restaurador. Realmente a moto ficou perfeita , e melhor ainda é que está na mão de um colecionador que dá valor a estas raridades.

    ResponderExcluir
  5. Maro, os elogios são mais do que merecidos, o restaurador merece todas as "glórias" pelo trabalho.
    Graaande abraço!

    ResponderExcluir
  6. boas sou português,

    estou a restaura uma destas que era do meu pai e estou com problemas nos pneus porque eu não sei o indice de carga e de velocidade, podes-me dizer se faz o favor.

    Bryan Monteiro

    obrigado

    mail: bryanmoniz@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bryan, já respondi no seu e-mai.
      Graaaaaaande abraço!

      Excluir
  7. Estou com 54 anos no início dos anos 80 comprei uma 250 Motosport
    foi uma loucura era a única na minha "região" noroeste de SP.
    fiquei com ela 15 anos os melhores da minha vida me casei tive 3
    filhos todos criados em cima de uma XL viajava pro litoral com a
    esposa e levava até barraca. as lembranças que ainda tenho estao na memória, fotos, e uma placa de alumínio que é fixada no escapamento com os dizeres XL 250 Motosport. eu era feliz e sabia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na maioria das vezes nós antigomobilistas vamos em busca de veículos que marcaram nossa juventude. Eu hoje relembro este tempo andando com a minha XL. Mande fotos da sua moto para mazinho@engeplus.com.br que publico aqui.
      Graaande abraço!

      Excluir
  8. Eu estou recuperando a minha.
    Alguém sabe onde posso comprar os 2 amortecedores de trás?
    Obrigado.
    Abraço.
    Nuno Menezes, de Portugal.
    nuno.menezes@gmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Nuno, tente aqui http://www.cmsnl.com/search.php?model_id=837&partsPage=1#results e aqui http://www.cmsnl.com/search.php?model_id=837&partsPage=1#results .
      Graaaande abtaço!

      Excluir
    2. QUE SAUDADE...
      Tive 1 igualzinha,1976,prata,linda!!
      GRANDE COMPANHEIRA...

      Abraços
      Carlos Eduardo - Porto alegre-RS

      Excluir
    3. Carlos Eduardo, na epoca não pude ter uma mas era meu sonho. Agora pude realizar!
      Graaaaaaaande abraço!

      Excluir
  9. Boa tarde Mazinho, sou o segundo dono de uma xl 74 e estou com ela desde 1986. Fiz muita trilha nos anos 80 e 90 e hj a embreagem abriu o bico. Pude ler na matéria que os discos da honda 600 servem direitinho nela, mas ficou uma duvida: qual ano/modelo 600?
    se puder me atender ficarei muito grato. fotos dela no facebook: walter murbak guise
    wguise@gmail.com

    ResponderExcluir
  10. Tenho interesse em adquirir uma HONDA XL 250 Motosport.
    Informações para efmamede@gmail.com

    ResponderExcluir
  11. alguem me sabe dizer só a titulo de curiosidade qual o consumo desta mota? Dar-lhe os parabens pelo restauro a si, e ao seu amigo que restaurou uma igual á sua (i a dele estava em muito mau estado) devem der gasto muito dinheiro.

    obrigado,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu costumo dizer que os meus veículos antigos são muito econômicos, pois com um tanque de gasolina ando vários meses.rsrsrs.
      Brincadeiras à parte nunca medi o consumo da minha XL.
      Obrigado pelos elogios ao restauro da moto, como vc mesmo disse a minha estava em melhores condições do que a do meu amigo.
      Graaaande abraço!

      Excluir
  12. Ola amigos alguém tem o catalago da Honda XL-250 MotoSport ano 1974 , das peças expandidas, estou restaurando uma , e com ele ira me ajudar muito, aguardo algum filho de Deus que tenha um zipado ou em PDF mesmo, com as parts numbers. Honda.

    ResponderExcluir
  13. Também procuro uma MotoSport para comprar, se possível, restaurada. Sei que é rara mas não custa tentar. Obrigado
    Contatos c/ jcampomizzi@hotmail.com

    ResponderExcluir
  14. estou procurando uma para comprar alguém tem ideia onde encontrar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bello, estas motos são raras de encontrar. Principalmente se vc procurar uma pronta.
      Graaaaaande abraço!

      Excluir
  15. Mauro Rubens 58 anos ,10/08/2016.Possui uma maravilhosa .Comprei usada em 1983.Cai com ela e depois disto começou a queimar óleo.A retifica ovalizou o cabeçote e ela nuca mais foi a mesma .Dava 28 km com um litro de gasolina.Vendi e ainda tenho saudades Já não se fazem joias como no passado.

    ResponderExcluir
  16. Bom Dia ,
    Tenho uma Honda xl 250 1975 e estou a pensar vende-la alguem sabe quanto vale.
    Os gaurda lamas e farois não são de origem.
    Obg
    Boas andanças

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Luis! Penso que em torno de vinte e cinco mil reais.
      Graaaaaaande abraço!

      Excluir